Sobreviventes: Confira o estado atualizado e fotos de cada um dos 6 sobreviventes do vôo da Chapecoense

Foram 7 resgates com vida, mas infelizmente o goleiro Danilo não resistiu. Segue uma atualização dos quadros clínicos dos outros 6 sobreviventes do vôo.

 




Saiba mais: 

Possível áudio entre Piloto e Torre e de um fornecedor de Lamia revela um possível e MACABRO motivo para a queda do avião

 
 
 

 

Boletim 8/12 A equipe médica que cuida dos sobreviventes do acidente com o avião da Chapecoense deu mais uma entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira, na Colômbia. Os médicos atualizaram os boletins sobre cada um dos internados no hospital San Vicente de Rionegro: Alan Ruschel, Neto e Follmann (jogadores da equipe catarinense) e o jornalista Rafael Henzel.




Os médicos ainda pedem cautela, mas estão animados com a evolução dos pacientes nas últimas 36 horas. Neto, que segue em estado crítico, deixou de depender 100% da respiração mecânica e já está em processo de retomar a consciência. Follmann passou bem por mais uma cirurgia de aumento da amputação da perna e não está mais sedado.
Rafael Henzel foi transferido para a unidade de terapia semi-intensiva depois de nova cirurgia no pé, mas ainda inspira cuidados. De todos, Alan Ruschel segue em melhor evolução, e a equipe médica começa a pensar em seu retorno para o Brasil. Ainda sem data definida.

Veja o recado que Alan Ruschel mandou ao Brasil!

Nesta quinta-feira, outros dois médicos brasileiros participaram da entrevista: Carlos Mendonça, ortopedista da Chapecoense, e Gustavo Janot, intensivista do Hospital Albert Einstein.
Veja abaixo um panorama sobre cada um dos pacientes:

ALAN RUSCHEL
– Foi transferido para o quarto na quarta-feira. Está caminhando bem, sem nenhum sinal de infecção. Começamos a pensar numa transferência, mas ainda não temos data – falou Edson Stakonski.

FOLLMANN
– Na quarta-feira, ele foi para o centro cirúrgico. Está bem também, conversando. Está com uma infecção, mas a evolução dele está satisfatória – relatou Stakonski.
– Notícia animadora. Nosso plano inicial era aumentar de 3 a 4 cm a amputação, mas só houve necessidade de 2,5 cm. Vamos manter os cuidados e amanhã ele vai novamente para o centro cirúrgico para verificar se persiste a infecção – explicou o ortopedista Marcos André Sonagli .

NETO
–É o que mais inspira cuidados. As medidas das últimas 24 horas surtiram efeito e melhorou o padrão respiratório dele. Isso facilita a ventilação. Nesta quinta-feira pela manhã começamos a diminuir a sedação e trocou o módulo controlado pelo espontâneo – contou Edson Stakonski.
– Novamente a perna do Neto não tem sinais de infecção. Já aproximamos a parte da pela definitiva. Não pensamos em fazer um novo curativo, vamos deixar cicatrizar. Sinal animador – comentou Sonagli.

RAFAEL HENZEL
– Ele foi ontem para o centro cirúrgico e transferido depois para a unidade de tratamento semi-intensivo. Está bem, ventilando bem e com a infecção controlada. Está sob vigilância – completou Stakonski.
– Ele tinha luxação de dois dedos. Levamos ao centro cirúrgico para fazer de forma manual. Estamos esperando para deixá-lo em pé, porque ele tem uma fratura no pé direito. Vamos tentar deixá-lo em pé com muleta, de pé total ainda não tem como. O Rafael tem uma lesão pulmonar ainda por conta da fratura de sete costelas – explicou ortopedista Marcos André Sonagli

Ouça o Diálogo entre o Piloto e a torre

Boletim 7/12 O corpo médico que acompanha a evolução clínica dos sobreviventes brasileiros em Medellín confirmou, nesta quarta-feira (07), que o goleiro Jackson Follmann precisará passar por nova cirurgia de amputação na perna direita. Follmann é uma das seis pessoas que saíram com vida do acidente com o avião da Chapecoense.

Follmann, devido ao acidente, perdeu parte da perna direita. Agora, uma intervenção cirúrgica amputará um pouco mais do mesmo membro.O médico Marcos André Sonagli, enviado pelo clube catarinense, explicou que a cirurgia de amputação exige consentimento do paciente ou de familiares, por isso não foi realizada antes. Houve limpeza de excessos mortos do local, mas a retirada de osso ocorrerá nesta quarta.

“De três a quatro centímetros a gente vai resetar hoje. O principal ponto é abrir, lavar, tirar toda aquela parte morta [procedimento já feito]… A parte óssea a gente deixou para hoje. Serão de três a quatro centímetros com certeza. Se acharmos que precisa de um pouco mais, faremos”, disse o doutor.

 

“A perna esquerda e o pé esquerdo [do Follmann] não têm sinais de infecção, verificaremos novamente. O coto de amputação da direita tinha infecção e faremos um novo procedimento agora. Não me adianta ter um coto de amputação com osso infeccionado, porque começará a ter vazamento de pus…”, prosseguiu Sonagli.

Na entrevista, o médico Edson Stakonski detalhou o estado de saúde dos outros sobreviventes. A situação do zagueiro Neto segue sendo a que inspira mais cuidados – o jogador foi o último sobrevivente a ser resgatado, cerca de sete horas depois do acidente, o que é determinante para seu estado crítico.

Stakonski também ressaltou que, apesar do otimismo com Alan Ruschel, o lateral ainda está em condição de vigilância. Ruschel já anda sozinho, está consciente e conversa no quarto, após ter saído da UTI. Se o jogador mantiver o quadro animador por dois ou três dias, explicou Sonagli, começará a ser preparada sua transferência para o Brasil, a acontecer em voo com condições especiais. Depois do ok dos médicos, a preparação deverá durar mais um ou dois dias.

“Se ele tiver uma piora pulmonar, o quadro regride. E então não terá transferência”, alertou Stakonski.

Certo é que as transferências serão individualizadas: “Cada uma a seu tempo”, explicaram os médicos. Marcos Sonagli acrescentou: “Uma vez realizada a transferência, ninguém vai direto para casa. Vai para algum hospital, seja em Chapecó, em São Paulo… No Brasil ainda faremos baterias de exames.

Estado de saúde de Neto:

“Neto ainda está em fase de vida. Está na UTI, porque não permite ir pro centro cirúrgico. A cada 48h nós revisamos pra saber se tem alguma infecção. A ferida do Neto, tem um curativo cirúrgico, não tem sinais de infecção no local. Foi identificado uma bactéria, mas não tem febre. Estado dele é grave, por isso cobrimos para um vasto grupo de bactérias. Ele segue com ventilação mecânica e sedado. Sim, se mantém estabilizado. Faz 24h, 36h que ele está estável. Ele mantém pressão, coração está bem. Precisamos monitorizá-lo.

Estado de saúde de Alan Ruschel:

“Alan está caminhando, acordado. Está alegre. Estaremos vigilantes sobre ele mais uns dias para começarmos a pensar em manda-lo pro Brasil. Tem que ter parcimônia. Ninguém tem experiência com acidentes desse tamanho…É uma vitória, mas esperamos comemorar com os quatro juntos. Aí começamos a relaxar”.

Estado de saúde de Rafael Henzel:

Em entrevista ao SporTV, Edson Stakonski disse que o jornalista “tem tórax estável, pneumonia e contusão. Ele está no quinto dia com antibiótico. Respondeu bem. Os marcadores estão bem. Ele está indo muito bem, mas temos que nos manter alertas, porque tem um problema na caixa torácica. Henzel vai hoje para o centro cirúrgico e vai se reduzir duas luxações no dedo pé. Após isso, irá a uma unidade semi-intensiva”.



NUmber One 300x250300x250_Palacio



ParPerfeito Seu próximo encontro começa aqui.
Fotos de homens e mulheres
Conheça Solteiros Aqui!
Selecione a Idade e Veja Solteiros em Sua Região
Idades: 18-25 / 26-40 / 42-55 / 56+
Busque aqui!

 

 

 




Boletim Médico de 06/12 as 18hs

Jackson Follmann

“Ontem à tarde foi feita uma revisão na ferida operatória, na região da amputação, foi encontrada uma infecção, por isso ele passou por um processo cirúrgico e voltou para a UTI em ventilação mecânica. Mas por que voltou em ventilação mecânica? Porque tem uma lesão na região cervical e como ele vai fazer uma nova intervenção amanhã, a ideia de entubar, extubar, entubar, extubar, a gente acha que aumenta o risco de lesão”, afirmou Stakonski.

 

Rafael Henzel
“O Rafael está estável, está bem, ventilando bem, está com a pneumonia sob controle, ele tem alguns picos de temperatura, segue sob vigilância.”

 

Alan Ruschel
“O Alan está bem, sem sinal de infecção, as coisas estão evoluindo bem, vamos ver como ele evolui nas próximas 24h.”

Neto
“O Neto continua em ventilação mecânica, sedado, a gente evidenciou que ele tem uma pneumonia em cima da contusão [infecção pulmonar], mas nas ultimas 12h ele está bem mais estável, as coisas estão evoluindo, mas ainda inspira bastante cuidado.”


dealform 250x250

BOLETIM Médico de 03:00hs dia 5/12

Follmann perdeu parte da perna direita, amputada em decorrência dos ferimentos. Ele é um dos sobreviventes que estão em melhor estado. O goleiro já não está mais entubado, conversa com a família e apresenta uma recuperação rápida.

Além dele, os jogadores Neto e Alan Ruschel e o jornalista Rafael Henzel também seguem internados na Colômbia. O quadro que inspira mais cuidados é o de Neto, que tem uma infecção pulmonar.

Alan Ruschel, já consciente, mas ainda na UTI. Não apresenta sinais de infecção. Em sua última conversa com o médico da Chapecoense, Edson Stakonskim disse que queria um churrasco com os médicos.

Rafael Henzel já está consciente mas por ter tido 7 costelas fraturadas e uma infecção pulmonar está na UTI. O caso ainda é crítico, mas evolui muito bem. EStá consciente e diz que lembra-se do acidente.

Segundo apurou o ESPN.com.br, o jornalista se lembra dos detalhes do acidente. Henzel recorda o momento em que faltou luz na aeronave e a consequente queda do avião. De acordo com ele, que estava sentado na penúltima fileira, tudo foi muito rápido, sem pânico ou correria dos presentes.

Após o acidente na Colômbia, o jornalista ainda se lembra de chamar o resgate e os socorristas, e que estes não escutaram os seus apelos em um primeiro momento.

NEto, caso mais grave é o único que continua sedado e respirando por aparelhos. Tem uma infecção no pulmão que requer cuidados. Os médicos estão confiantes, mas pedem paciência.

 

Último boletim médico 15:00hs 3/12

Os dois sobreviventes da tripulação já estão em casa! Boa notícia!

Em entrevista a mãe de Alan Ruschel disse que o filho está desinchando, já dispensou a sonda para se alimentar e já está se comunicando. A mãe relata que ele não se lembra de nada e aina pergunta pelos amigos. “Mais alguém se machucou?”. A família ainda não revelou a dimensão dos fatos.

NETO está com pneumonia, mas não ha sangramento pulmonar. É ainda considerado o caso mais crítico, mas estável.

Rafael Henzel e Follman tem evoluído bem aos tratamentos.

O médico da CBF Jorge Pagura, de Medellin, disse que todos estão estabilizados, ainda não está definitivamente descartada a possibilidade de sequelas, mas as possibilidades, segundo ele, estão cada vez mais reduzidas.



Último boletim médico 22:00hs 2/12

O Médico da CBF, Jorge Pagura, de Medellin trouxe boas notícias em relação aos jogadores do time. O goleiro Jackson Follmann tem apresentado boa evolução, assim como Alan Ruschel.

“Jackson foi desentubado pela manhã, só tem uma fratura que deve ser tratado no momento adequado. Está bem, está estável. A perna esquerda que tinha risco de amputação reduziu drasticamente. Risco ainda existe devido à gravidade”, falou.

O médico ainda disse que Alan Ruschel, Rafael Henzel e Neto irão todos para a clínica San Vicente Fundacion, onde está o goleiro Jackson. O motivo da transferência é para facilitar o acompanhamento médico com todos no mesmo local. Apenas o zagueiro Neto não foi movido.

Sobre o jornalista, Rafael Henzel teve de passar por um pequeno procedimento cirúrgico. “Ele fez um procedimento com uma fibra ótica na traqueia para auxiliar os pulmões retirar a secreção, mas está estável”.

Sobre o lateral Alan Ruschel, o médico informou que ele também está bem e estável. Pagura disse que o problema da coluna do jogador já foi resolvido e aguarda sua evolução.

Mais cedo, na tarde desta sexta (02), o último boletim médico divulgado pela Chapecoense, afirma que o quadro dos quatro sobreviventes é estável.

Os médicos relatam que a evolução do lateral Alan Ruschel é boa. “Foi submetido à cirurgia na coluna vertebral e inspira cuidados. Está com movimentos normais em membros superiores e inferiores. Apesar das múltiplas escoriações, oferece boas perspectivas de melhora. Já conversou com a família”, diz o boletim.

“Zagueiro Neto: Clinicamente está bem. Foi o último dos resgatados, também apresenta boas perspectivas de melhora. Goleiro Follmann: É o que se encontra em estado mais grave. Teve uma das pernas amputadas. Ainda assim, seu quadro é estável. Está entubado e requer mais cuidados. Jornalista Rafael Henzel: Sofreu um trauma torácico e uma fratura de perna. O estado também é crítico, mas as perspectivas são otimistas. O pulmão apresentou melhoras”.

O boletim ainda explica que não há previsão de alta dos pacientes, porque a situação ainda inspira cuidados, mas ressalta que os sobreviventes estão sendo muito bem assistidos.




 

Boletim de 08hs dia 2/12

AS notícias que chegam são boas. O pai do zagueiro NETO, postou em redes sociais que seu filho passou por cirurgia na perna e que segundo os médicos poderá voltar a jogar.

“Venho informar com muita satisfação e felicidade que meu filho está cada vez melhor”, postou Helam Marinho Zampier no Facebook. “Acaba de fazer cirurgia na perna e médicos afirmam que voltará ao futebol. Agradeço as orações e continuemos com elas pois ainda precisamos de confirmações e alta para poder vê-lo de perto. E tenho que dominar minha ansiedade que é muita.”

Essa evolução positiva de Neto, um dos seis sobreviventes do acidente com a delegação da Chapecoense, foi acompanhada ontem de boas notícias também sobre os demais brasileiros. Ximena e Erwin, os estrangeiros sobreviventes já passam bem e serão os primeiros a deixar os hospitais. Neto já tinha passado por cirurgias para drenar o sangue e ajudar a expandir os pulmões. A última atualização de seu estado de saúde dava conta de uma melhora na condição respiratória.

Outros Brasileiros:  o jornalista Rafael Henzel, da rádio Oeste Capital de Chapecó, já tinha apresentado melhora nas últimas 12 horas. Apesar do estado de ambos ainda inspirar cuidados, eles estavam estáveis. Também permanecem internados o goleiro Jackson Follmann e o lateral Alan Ruschell. Para Follman ontem já havia sido descartada a hipótese de outra amputação e Alan segue evoluindo bem.




Último boletim sobre o Goleiro Follman 22:00hs 1/12

Depois de tanta tragédia as boas notícias começam a chegar. O goleiro Jackson Follmann, que sobreviveu ao desastre aéreo da Chapecoense na madrugada de terça-feira, não deverá terá que fazer amputação na perna esquerda, conforme havia sido cogitado inicialmente.




A informação foi divulgada na noite desta quinta-feira pela clínica onde o atleta foi internado. Follmann foi resgatado junto a outros cinco sobreviventes após a queda do voo que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, onde o time disputaria sua primeira final internacional, a Final da Copa Sul-Americana.

Nesta quinta-feira, o jogador passou por intervenção cirúrgica na clínica de Medellín. A cirurgia pode ser considerada um sucesso. Segundo o boletim médico (foto anexa) , Follmann “continua com estrita vigilância na Unidade de Cuidados Intensivos”, mas com evolução satisfatória.

Boletim médico em 18hs 01/12

Como já havíamos informado em 29/11, o lateral da Chapecoense Alan Ruschel, um dos sobreviventes do acidente aéreo que vitimou 71 pessoas na Colômbia, após cirurgia na coluna, não deve ter  nenhuma sequela motora

O boletim médico do jogador revela que ele tem tido uma boa recuperação do procedimento cirúrgico e que o quadro clínico é estável. A parte motora do atleta está preservada até o momento, sem  nenhum déficit.

Sobre voltar a jogar futebol, ainda é cedo afirmar.

Há 5 médicos brasileiros presentes em Medellín acompanhando a evolução dos quatro sobreviventes brasileiros – Alan Ruschel, Neto e Jackson Follmann (jogadores) e Rafael Henzel (jornalista).

 

O jornalista Rafael Henzel acordou consciente e, apesar da lesão pulmonar, os médicos deverão retirar o entubamento respiratório na noite desta quinta-feira (01). A informação foi passada por Luiz Fernando Rodriguez, diretor da Clínica San Juan de Dios.

A condição do zagueiro Neto, último a ser recuperado com vida do acidente, permanece crítica, mas sem evolução negativa. O jogador deverá passar por cirurgia ainda nesta quarta para limpeza dos tecidos das pernas. Médicos colombianos aguardam médicos brasileiros para consentir e acompanhar a cirurgia. Não há risco de amputação.




Boletim médico em 9hs 01/12

O goleiro Jackson Follmann, da Chapecoense, um dos seis sobreviventes da queda do avião que levava a delegação da equipe catarinense que deixou 71 mortos, será submetido a uma nova cirurgia em seus membros inferiores, informaram na quarta-feira os médicos.

O diretor médico do Hospital São Vicente Fundación, Ferney Rodríguez, confirmou em comunicado que o jogador, após ter sua perna direita amputada, passará por nova cirurgia nesta quinta-feira, autorizada por seus familiares e médicos da Chapecoense.

Follmann foi “avaliado por diferentes especialistas, e dentro da avaliação foi determinada a necessidade de realizar amanhã (quinta-feira) a cirurgia, para determinar a evolução clínica de suas lesões em seus membros inferiores”, disse Rodríguez.

 

Boletim médico em 18hs 30/11

“A maior preocupação, em relação a todos os sobreviventes, diz respeito ao perigo de infecção, já que os ferimentos apresentavam nível alto de contaminação. Ainda não há previsão sobre a alta dos pacientes, mas a equipe médica da Chapecoense tranquiliza a todos, já que a estrutura e os cuidados oferecidos estão sendo os melhores possíveis”, diz o boletim.

O zagueiro Neto, último dos resgatados está em estado crítico, mas estabilizado, oferecendo boas perspectivas de melhora. O goleiro Follmann é o que se encontra em estado mais grave, tendo uma das pernas amputadas e a outra em análise, com possibilidade de amputação do pé. Ainda assim, seu quadro é estável, apesar de requerer mais cuidados. O lateral Allan Ruschel foi submetido à uma cirurgia da coluna vertebral, mas está com movimentos normais em membros superiores e inferiores. Apesar das múltiplas escoriações, e do estado crítico, está estabilizado e também oferece perspectiva de melhora”, diz o documento sobre a situação dos atletas.

“O jornalista Rafael Henzel teve um trauma toráxico e uma fratura de perna. O estado também é crítico, mas as perspectivas são otimistas”, completa o comunicado assinado pelo médico do clube Dr. Carlos Henrique Mendonça.

 

Último Boletim médico sobre Follman as 14:00hs 30/11

“Assim como se comunicou ontem, a perna direita teve que ser amputada pela gravidade das lesões. O controle da perna esquerda, assim como o do paciente em geral, continua em evolução. Estamos atentos na fase de estabilização”, informou o comunicado.

“Todos nossos esforços no hospital continuam na procura da recuperação do paciente”, completou.

De acordo com o hospital, Follmann segue na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

 

Último Boletim médico as 13:00hs 30/11

O assessor de imprensa Andrei Copetti,  após uma reunião com familiares das vítimas do acidente na Colômbia,  disse que as informações passadas pelo médico responsável por acompanhar a recuperação dos sobreviventes indicam que o zagueiro Neto e o lateral Alan Ruschel não tiveram os movimentos afetados pelas cirurgias. Porém, mais detalhes sobre a situação dos jogadores serão oficialmente transmitidas em um comunicado que deve ser divulgado às 14h (de Brasília) pelo clube.

O quadro que mais inspira cuidados é o do goleiro Follman, que amputou a perna direita e ainda tem o risco de amputar a esquerda.

“O Doutor Mendonça entrou em contato agora e ele passou as informações de que todos têm quadro estáveis. Com O Follman tem um cuidado especial com a perna para não ter que ser amputada. Já o Neto teve uma lesão na coluna, mas não comprometeu os movimentos dos membros inferiores. O Ruschel, segundo ele, tem uma lesão mais grave, mas também está com a mobilidade preservada”, disse.

 

O goleiro foi o único sobrevivente do voo a ser levado para o Hospital San Vicente Fundacion. Os demais jogadores estão na clínica Somer, de Rio Negro.

 

 

“Alan Rushel chegou entre 2h30 e 3h (da manhã) com compressão de tíbia do membro inferior, compressão abdominal e fratura na vértebra dorsal 10. Alan foi submetido a uma cirurgia e terá ainda que passar por mais uma. Luis Taveira esteve com o lateral da Chape após a operação, mas revelou que ele estava muito sedado, tentava responder, mas logo voltava a dormir. De acordo com ele, no entanto, o estado do jogador não inspira maiores cuidados.

“Eu estive pessoalmente no quarto do Alan e ele está bem. Eu falei com ele, mas ele só abria os olhos, porque estava sedado. Quando chegou estava zonzo, mas respondia os pedidos médicos. Agora eu estive no quarto com ele, e se fosse negativo eu não poderia entrar. O médico vai ter que fazer mais uma cirugia na coluna, mas não falaram de maneira nenhuma, eu perguntei e o médico disse que a possibilidade era mínima. Ele tinha todos os movimentos e respondeu bem a todos os movimentos de perna. O quadro dele é estável”.

 

alan-ruschel

 

 

Erwin Tumiri: técnico da aeronave, foi resgatado com vida e levado à clínica Somer de Rionegro. Internado, passa bem. Já deu seus primeiros depoimentos, o mai impressionante é que afirma ter vivido por seguir um protocolo aéreo simples, fica em posição fetal com uma mala entre as pernas. Veja

Erwin Tumiri sobrevivente acidente Chapecoense Revela porque se Salvou

erwin-tumiri

 

O goleiro Jackson Follmann teve uma das pernas amputadas em decorrência do acidente, segundo informações da repórter Lívia Laranjeira, do canal “SporTV”. Ainda está em estado crítico.  Existe também um risco dele ter a outra perna amputada também, mas isso ainda não é certo. “O Folmann perdeu uma perna, mas está estável. Teve a cirurgia, chegaram a dizer que ele tinha falecido, mas não é verdade. Essa é o quadro geral aqui”, Disse o médico Chefe do Hospital em último boletim.

goleiro-jackson-follmann-sobreviveu-a-queda-do-aviao-na-colombia_1007607

O zagueiro Neto, que foi o último a ser resgatado com vida do local do acidente, também foi submetido a cirurgia. “Ele chegou 6h45 desta manhã em estado muito severo, com trauma encefálica e fratura exposta de membros. Foi entubado, fez exames e neste momento está em cirurgia para que se garanta sua vida”, explicou Molina. Passará por cirurgia de reconstrução nasal.  O estado do atleta é considerado crítico, mas Taveira diz que os médicos estão esperançosos. Por enquanto não há muito mais o que ser feito. Aguardar o quadro evoluir . “As últimas informações são de que o Neto saiu de cirurgia e vai ter que esperar 48 horas para ver qual é a reação dele, o estado é critico, mas esperançoso. Não tive acesso ao pós cirúrgico dele, mas vou tentar isso amanhã.” Disse o médico Chefe do Hospital em último boletim.

neto

O jornalista Rafael Henzel está em situação estável, mas permanece internado no hospital San Juan de Díos. “Ele chegou com problema respiratório severo, lesões no corpo e no pé. O paciente se estabilizou e neste momento se encontra na unidade de cuidados intensivos da clínica”, contou o diretor do hospital. Atualizado as 20:45hs : Por deficiência pulmonar, o estado volta a ser considerado Instável e possíveis operações apenas quando quadro estabilizar-se.Agora pela manhã 30/11 quadro já está mais estabilizado. Médicos esperançosos.

rafaelhenzel

Auxiliar de voo Ximena Suárez ainda internada, passa bem. Ela já está falando e deu seu primeiro depoimento. Disse que pouco antes de cair o avião apagou todas as luzes. “Daí em diante não lembro mais de nada”.

ximena-suarez-otterburg

 




 

O Goleiro Danilo, realmente faleceu

 

Incluídos na lista de passageiros divulgada inicialmente pelas autoridades colombianas, o presidente do Conselho Deliberativo da Chapecoense, Plínio David De Nes Filho, o deputado estadual Gelson Merisio (PSD-SC), presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, o jornalista Ivan Carlos Aguinoletto e o prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, não estavam no avião.

Veja Também:

Reis

Redator de sites como a Blasting News, F7News, Oimliega, 1News e no Superinteressantes.

Noticias curiosas, mistérios, fotos curiosas, videos engraçados is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache

%d blogueiros gostam disto: